quarta-feira, 26 de maio de 2010

Sem descrição possível

Quero ter asas para voar, quero ser livre e amar. Não quero sonhar, não me quero iludir a mim mesmo.
Ás vezes tenho arrepios, pois tenho medo que me faças mal! Não quero ser enganado, quer seu EU mesmo. Ás vezes sinto uma vontade tão grande de fugir... Para bem longe daqui, mas sempre, sempre perto de ti! Queria ser alguém, na vida, neste mundo onde só tenho medo e choro, mas especialmente queria ser especial para ti!
Queria também, viver enquanto é tempo, queria sonhar enquanto é hora! Queria gritar, mas não podia nem conseguia. Chorei por ti, mas também ri! Pensei em ti, mas posso dizer que não foram momentos perdido, ao contrário das outras vezes. Sabes, ainda penso em ti, e sei que és algo querido para mim.
No Futuro, não sei mesmo o que direi. Não sei se ainda te vou amar, se vou chorar, gritar, ou até mesmo rir. Mas agora tudo o que eu sei é que por ti lutei! Dei o tudo por tudo, se não o consegui, acho que não foi por minha culpa. Sinto-me bem, tranquilo. Apesar de tudo, estou feliz!

3 comentários:

  1. Wooww, tá topo :OOOO
    Ahahah, a cena do Futuro matou-me xD

    ResponderEliminar
  2. Ahaha porque será! xD
    Talvez tenha vindo um pouco á quem daquilo que se anda a passar!

    ResponderEliminar